Arquivos da Autora

Expressando o que sente: chorar

Já percebemos que a repressão das emoções, seja qual for, é extremamente maléfica para o organismo e devemos evitá-la. As mulheres em geral acabam por expressar muito mais o que sentem, enquanto os homens, em razão da educação que institui que “homem não chora”, muitas vezes faz com que eles reprimam muito mais o que […]

A dor emocional

“A dor não surge apenas por estimulação periférica, mas também por uma experiência da alma, que reside no coração” Platão   O que podemos dizer sobre aquela dor que muitos definem como dor d’alma ou dor no coração, mas que na verdade, não há nada que a comprove nos exames laboratoriais? É claro que sabemos […]

Hipocondria: a preocupação excessiva com doenças

Vamos entender um pouco mais o que acontece com as pessoas que estão constantemente buscando um diagnóstico numa peregrinação constante em consultórios médicos, e os exames realizados não confirmam a preocupação. Damos o nome de hipocondria, que se estende um pouco mais do termo utilizado popularmente para se referir a quem toma muitos remédios. A […]

A criança que somatiza

“Podemos esquecer o que nos disseram, o que nos fizeram, mas nunca esqueceremos do que nos fizeram sentir”   Apesar de toda informação que temos atualmente, muitas pessoas ainda têm a noção que a criança é um ser passivo, que nada percebe, mas a infância, assim como a gestação, são épocas que podem determinar as […]

O trabalho como fonte de doenças

Tenho enfatizado que a tensão psicológica acumulada e principalmente, a maneira como reagimos em determinadas situações podem gerar doenças psicossomáticas, principalmente se não houver expressão do que se sente. Uma fonte constante de tensões para a maioria das pessoas é o trabalho, pois é através dele que colocamos à prova nossa capacidade profissional, e muitas […]

Workaholic

Não gostar do que se faz pode ser a causa de muitas doenças; como trabalhar em excesso também. Devemos lembrar que o estresse é cumulativo, assim como não podemos deixar de citar o workaholic, termo que se originou da palavra inglesa alcoholic, que significa alcoólatra, com a palavra work, que significa trabalho, considerando que a […]

TRAUMAS DURANTE A INFÂNCIA E A DOENÇA NA IDADE ADULTA

“Nossos cérebros são esculpidos por nossas experiências da infância. O maltrato é um cinzel* que modela o cérebro para o confronto com a adversidade às custas, porém, de feridas profundas e permanentes” Martin Teicher, MD. PhD. Professor de Psiquiatria em Harvard   Sempre escrevo sobre os abusos sofridos pelas crianças, e a importância de nós, […]

Ao encontro da cura

“… o homem é capaz de atingir sua totalidade, isto é, de que pode curar-se” Jung   Quando nos encontramos doentes ou quando uma pessoa querida adoece gravemente, inicialmente tendemos a nos revoltar e nos perguntar: “por quê?” As doenças e seus sintomas devem ser tratados por profissionais, mas não podemos nos esquecer da capacidade […]

Quando a dor é maior

Dor! Dor da indiferença, do desprezo, do abandono, da perda. Com certeza são dores que fazem sangrar mais que qualquer ferida. Faz nos sentir sem valor, diminuídos, sem energia ou forças sequer para respirar, e o pior, faz nos sentir seres indignos de receber amor. Coloca ainda em risco nossa saúde mental, levando-nos muitas vezes […]

(Re)avaliando sua vida

Se você encontrasse com um amigo que não vê há muito tempo o que contaria sobre sua vida? O que aconteceu de significativo? Você teria para contar mais problemas, decepções, frustrações, enfim, faria muitas lamentações ou contaria muitas conquistas, crescimento, mudanças? Ao pensar em sua vida, como a descreveria agora? Pense nisso… E daqui para […]